A Escola de Formação Social Rural de Lamego (Esfosol) é um estabelecimento de ensino particular, criado em 1 de junho de 1964, com alvará nº1737, com o Código nº260, do Ministério da Educação e Inspeção do Ensino Particular, ao abrigo do Decreto-Lei 40.678, de 10 de julho de 1956.

É um estabelecimento de ensino, propriedade da Diocese de Lamego. Com um perfil predominantemente familiar e comunitário, acolhe os jovens e prepara-os mediante diretrizes educativas, socioculturais, cívicas, morais e religiosas. Foi fundada por Monsenhor Ilídio Fernandes, sacerdote da referida Diocese, um verdadeiro visionário e empreendedor à época. Um humanista, com um pensamento muito à frente do seu tempo.

Atento à realidade do meio e às necessidades das pessoas, a criação da Esfosol foi uma iniciativa inovadora, numa época em que a promoção social e rural era uma urgência no meio social envolvente. A Escola surgiu como resposta à necessidade, sentida na época, de formar profissionais habilitados para, no meio rural, desenvolverem ações de promoção da mulher, de modo a garantirem a melhoria das condições de vida, da maternidade e da vida doméstica através de diversos meios e estratégias: ensinando noções básicas de higiene, enfermagem, culinária, puericultura, gestão e economia domésticas, criando e animando centros de atividades de tempos livres, promovendo a formação de jovens.

Ao longo dos seus cinquenta e cinco anos de existência, tem formado centenas de trabalhadores sociais que desenvolvem a sua atividade profissional por todo o Portugal e, fruto do fluxo migratório, no estrangeiro, com especial destaque para os tradicionais países recetores na Europa.

Não deixando cair os ideais do seu fundador, a Escola muito tem contribuído para alargar os horizontes de uma mundividência mais vasta. Foram muitos os intercâmbios internacionais com outras escolas e instituições; vários os alunos que fizeram o seu estágio por terras de França e Espanha; diversas as personalidades do nosso país e de países europeus que passaram pelas suas instalações em iniciativas diversificadas.

Os tempos têm-nos trazido mudanças significativas. A Esfosol, agente de transformação do nosso meio, tem sentido também essas mudanças, prestando-lhes uma particular atenção, adaptando-se aos condicionalismos que as circunstâncias vão impondo ou propondo.